canudos de vidro

Canudos de vidro Leave a comment

 

As lógicas de consumo estão sempre relacionadas ao tempo em que estão compreendidas. A partir do século XX, quando a grande maioria dos bens de consumo começou a ser produzida a partir de processos industriais, o volume e a forma como as sociedades consomem passaram por inúmeras mudanças.

canudos de vidro - personalizados
canudos de vidro – personalizados

O início do século foi marcado por um período de intenso conflito dentro da Europa. As movimentações nacionais divergentes e a falta de entendimento entre as partes acabaram por culminar na explosão da I Guerra Mundial, em 1914. O conflito durou até 1918 e praticamente monopolizou a produção industrial dos países europeus no esforço bélico, afetando diretamente a lógica de consumo do velho continente durante aqueles quatro anos e mais algum tempo depois.

Por outro lado, os Estados Unidos se consolidaram como uma potência internacional, aumentando inclusive sua participação no comércio internacional com os países devastados pela guerra. Os americanos vivenciaram uma era de crescente aumento no consumo e principalmente na produção, que acabou sendo um dos fatores que levaram à quebra da bolsa de valores de Nova York, em 1929. Essa crise afetou todo o planeta, inclusive o Brasil e freou o padrão de consumo internacional, além de levar a escalada de regimes totalitários, o que, na Europa em reconstituição pós-guerra acabou por acirrar ainda mais os ânimos e conduzir o continente ao que foi a II Guerra Mundial (1939-1945).

canudos de vidro - verde
canudos de vidro – verde

De forma superficial, a II Guerra Mundial teve impactos econômicos parecidos com a I Guerra e o pós-guerra consolidou o modelo norte-americano de consumo no mundo ocidental.

Durante várias décadas o consumo desenfreado e inconsequente foi um padrão não só vigente como promovido tanto pelas empresas de bens de consumo como pela indústria cultural.

O cenário atual começa a levar em consideração de maneira mais atenta uma série de questões que tangem temas como a discriminação de minorias e a consciência ambiental.

canudos de vidro - vermelho

Levando em conta a consciência ambiental, uma série de alternativas de consumo sustentável antes associadas à um contexto de contracultura e de crítica ao modelo de consumo vigente passaram a ser incorporadas pelo mercado como uma forma de associar empresas e marcas à ideia de cuidado e responsabilidade ambiental.

O uso de objetos descartáveis feitos de plástico é um dos principais pontos de conflito quando o tema é um consumo e produção sustentáveis e um dos objetos que mais tem sido feitos de materiais alternativos são os canudos, que tem trocado o plástico pelo vidro em sua composição, passando a ser um objeto de uso permanente e não descartável.

Confira algumas razões para trocar o canudo de plástico por um de vidro:

  • Por que não usar canudos de plástico:

    canudos de vidro - canudos de plástico
    canudos de vidro – canudos de plástico

Canudos de plástico não são facilmente recicláveis

Canudos plásticos são normalmente feitos de plástico tipo 5 ou polipropileno.

Embora o plástico tipo 5 possa ser reciclado, ele não é aceito pela maioria dos programas de reciclagem. Quando os canudos de plástico não são reciclados, eles acabam em aterros ou, pior ainda, poluindo nossos oceanos.

– Os plásticos não são biodegradáveis e nunca degradam totalmente

Para entender o impacto ambiental dos canudos plásticos é importante conhecer a diferença entre biodegradação e degradação:

A biodegradação é quando um item pode ser naturalmente decomposto e digerido por microrganismos, e então naturalmente transformado em novas moléculas orgânicas.

Já degradação é simplesmente o processo de quebrar moléculas em pedaços menores. Quando se degrada, a maior parte do plástico parece desaparecer – No entanto, o que realmente está acontecendo é que o plástico está se transformando em pedaços menores e invisíveis, mas que sempre estarão na Terra.

Dito isso, canudos plásticos levam cerca de 200 anos para se degradar, mas nunca estarão completamente ausentes no planeta, uma vez que não são biodegradáveis. Para tornar o tema ainda mais grave, a degradação de dejetos plásticos libera elementos químicos tóxicos para a vida animal e o meio ambiente.

– Canudos plásticos mal descartados podem afetar a vida marinha

Sempre que há uma limpeza do litoral oceânico, os canudos de plástico nunca deixam de figurar na lista de um dos lixos mais encontrados.

E, a partir do início de 2018, os dados do sistema TIDES da Ocean Conservancy mostram que os canudos são o 11º lixo oceânico mais encontrado, representando cerca de 3% do lixo recuperado.

Todos esses canudos e plásticos poluindo nossos oceanos estão tendo um impacto negativo na vida marinha.  Canudos plásticos podem ser engolidos por tartarugas marinhas e outras formas de vida aquática que tem complicações digestivas e respiratórias com esses dejetos e podem até não sobreviver.

Os canudos também são especialmente perigosos para aves marinhas que podem facilmente capturar os dejetos que estão na superfície marinha e engolí-los.

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *