Dicas para evitar a osteoporose

Dicas para evitar a osteoporose Leave a comment

Dicas para evitar a osteoporose

O corpo humano não é algo que nos é dado como vivemos e nos acompanha de forma monótona ao longo de toda a nossa vida. Pelo contrário, à medida que os anos vão se passando e vamos envelhecendo nosso corpo nos acompanha, e isso faz com que precisamos encontrar meios de preservar nossa saúde e evitar doenças e condições incômodas no futuro.

Dentre esses cuidados que precisamos ter está a atenção contra a osteoporose. Essa situação, caracterizada pela fraqueza nos ossos, pode trazer severas consequências para a nossa saúde e diminuir consideravelmente a qualidade de vida humana. Desse modo, nesse texto iremos falar sobre essa doença e dar dicas para o leitor sobre como evita-la

O que é a osteoporose?

A osteoporose é uma doença caracterizada pela fraqueza nos ossos, onde qualquer esforço mais expressivo pode resultar na quebra de uma dessas estruturas, causando dor e falta de equilíbrio para o indivíduo. O que realmente acontece é uma falha no processo natural de reestruturação e de reconstrução dos ossos.

Para manter a saúde óssea, nosso corpo faz uma constante mudança do tecido como um todo. Esse processo é realizado por duas células importantes do corpo humano, que possuem até nomes parecidos – osteoblastos e osteoclastos. Os osteoclastos são as células responsáveis por estimular a absorção dos minerais responsáveis pelo fortalecimento do osso, além de criar algumas cavidades nessas estruturas.

Por outro lado, os osteoblastos são responsáveis por, através do cálcio, o qual é absorvido com a ajuda da vitamina D, preencher as lacunas criadas pelas células anteriores, criando assim um ciclo de renovação desse tecido. Especialistas e pesquisadores estimam que, a cada 30 meses, 100% do nosso esqueleto se renova, o que pode ser uma informação impressionante.

A osteoporose é a falha nesse processo, e pode ocorrer principalmente de três formas. A primeira ocorre apenas nas mulheres e é chamada de osteoporose pós-menopáusica, já que acontece no período de menopausa, onde o nível do estrogênio, um importante hormônio na fixação do cálcio, abaixa consideravelmente. Isso faz com que essa condição seja comum em mulheres a partir dos 40, principalmente naquelas que não se preveniram contra a doença.

Já nos homens, em média, a doença ocorre um pouco mais tarde, uma vez que a testosterona mantém o processo de renovação acontecendo de forma natural. No entanto, com o passar dos anos, os níveis desse hormônio também diminuem, o que favorece o aparecimento da osteoporose, a qual geralmente ocorre em pessoas do sexo masculino a partir dos 50 anos.

A outra forma comum de ocorrência dessa doença é chamada de osteoporose secundária, e é caracterizada em decorrência de outras doenças, principalmente às relacionadas com a diminuição na produção de hormônios, como as doenças no fígado, rins e pâncreas.

A osteoporose se caracteriza como uma doença bastante perigosa, tendo em vista que não apresenta sintomas nem sinais significativos, sendo classificada como um quadro silencioso. O indivíduo só irá perceber que está com a doença quando, depois de esforços comuns do dia a dia, apresentar fraturas nos ossos.

Dicas para evitar a osteoporose

Como vimos, a osteoporose é um quadro grave e silencioso, que pode piorar a qualidade de vida de muitas pessoas e impedir que este indivíduo realize funções normais do dia a dia, como subir uma escada ou precisar carregar algum elemento um pouco mais pesado. A boa notícia é que, embora depois que caracterizada essa doença não tenha cura, é possível praticar alguns métodos que previnam essa condição.

Por isso, nesse momento iremos apresentar algumas dicas para prevenir essa doença:

Alimentar-se da maneira correta:

Sabemos que para manter o nosso corpo funcionando bem, é necessário uma alimentação balanceada, pois é na dieta onde adquirimos os nutrientes necessários por promover as reações químicas do metabolismo. Seguindo esta linha de raciocínio, alimentar-se da maneira correta também pode prevenir a osteoporose, vista que esta pode ser causada pela falta dos minerais essenciais para o fortalecimento dos ossos.

O mineral mais importante para a manutenção do bem estar dos nossos ossos é o cálcio, mas esse quadro também perpassa por outros elementos, como o potássio. Portanto, privilegie os alimentos que forem ricos nesses minerais: no caso do cálcio, leite e todos os seus derivados e, no caso do potássio, muitos vegetais, como a beterraba e a batata doce.

Tomar banho de sol regularmente:

As vitaminas são um dos nutrientes mais importantes para a manutenção da nossa saúde. Contudo, algumas não podem ser quebradas naturalmente pelo nosso organismo, que falta de estruturas necessárias para essa síntese. O estímulo da produção e a maior produção das vitaminas do complexo D são estimulados pela luz do sol, que é importante para a nossa saúde.

Essa vitamina, por sua vez, é responsável pela absorção do cálcio, que, como já falado anteriormente, é o mineral protagonista para o fortalecimento dos ossos e, consequentemente, a prevenção da osteoporose.

Pratique atividades físicas:

Provavelmente, o sedentarismo é uma das principais causas de variadas doenças em todo o mundo. Dessa forma, praticar atividades físicas pode, também, prevenir a osteoporose. Isso ocorre pelo fato de que, caso um corpo se movimente constantemente e precise de mais apoio em seus exercícios diários, os ossos se fortalecerão para suportar tais atividades, o que prevenirá a osteoporose. Os exercícios classificadas como de impacto podem ser a melhor opção para a prevenção e também para o tratamento em pessoas que já possuem o quadro.

Além disso, exercícios que priorizam o crescimento de novas fibras musculares, como a musculação, também podem ajudar, uma vez que estruturas maiores e mais fortes estarão envolvendo os ossos para protege-los com maior eficiência.

Evite fumar:

Como todos já sabemos, o tabagismo pode ser a causa de incontáveis doenças no corpo humano, sendo protagonista de quadros irreversíveis, como o câncer de pulmão e o câncer de boca. Além de todas essas condições, o tabaco também destrói as células mais importantes para a renovação do tecido ósseo (osteoblastos e osteoclastos), assim prejudicando o processo e causando a osteoporose.

Cuidados para pessoas com osteoporose

Em muitos casos, alguns descuidos durante a vida ou até mesmo uma predisposição genética pode ocasionar uma condição como a osteoporose, o que pode trazer consequências severas para aquele indivíduo em questão. Desse modo, é importante que estes tomem alguns cuidados para amenizar os problemas relacionados a essa doença.

Organize sua casa e se certifique de que nenhum obstáculo esteja presente em seu caminho. Se for o caso, use sempre os seus óculos ou lentes, pois bater em qualquer local pode significar uma fratura grave. Coloque pisos antiderrapantes e evite barras de apoio no banheiro.

Cuidar da nossa saúde é uma das coisas mais importantes que podemos fazer, pois é o nosso corpo que estará, indubitavelmente, conosco até o fim de nossas vidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *