Roupa de academia

Roupa de academia Leave a comment

Roupa de academia

A musculação é uma prática que está em alta ultimamente. Com toda a cultura da internet e a maior difusão dos males que uma vida sedentária pode trazer, cada dia mais pessoas começam a aderir o estilo de vida fitness, que conta com prática constante de atividades físicas – como a musculação – e dietas alimentares equilibradas e com menor incidência de gorduras e calorias.

Desse modo, a academia se tornou um lugar de interação de muitas pessoas, uma vez que quase sempre elas estão cheias. Por isso, sempre queremos parecer bem vestidos nesses ambientes, de forma a causar uma boa impressão para os outros que estão ali, e isso pode passar muito pela roupa que estamos vestindo. Além disso, a roupa usada para ir à academia pode ajudar no nosso rendimento, tendo em vista que tecnologias existentes nos dias atuais fabricam peças que facilitam a nossa movimentação e sustentam mais as estruturas do corpo, dando-as mais força.

Diante disso, nesse artigo iremos falar mais sobre as roupas de academia, além de dar algumas dicas para o momento de escolha das peças para malhar!

Roupa de academia perfeita? Como escolher (9 dicas)

É comum ouvirmos pessoas dizer que não escolhem as suas roupas para ir à academia. Muitas vezes, falam que, quando estão indo malhar, pegam a primeira blusa e a primeira bermuda que veem na frente e não se importam. Contudo, isso pode até comprometer os seus resultados na musculação.

Diante disso, daremos algumas dicas para você escolher a roupa perfeita para ir malhar:

  1. Roupas confortáveis:

Antes de qualquer coisa, é proveitoso que você escolha roupas que são confortáveis. Isso se dá pelo fato de que as atividades físicas que fazemos na academia demandam, na maioria das vezes, muitas movimentações do nosso corpo. Por isso, sempre que colocar uma calça – ou short, bermuda e qualquer outra peça da parte de baixo – não comprometa os exercícios de perna e uma corrida na esteira. Conferir se essas peças não estão largas, a ponto de caírem quando andamos, também é recomendado. Além disso, é proveitoso conferir se a camiseta escolhida não é muito apertada.

  1. Tops:

Para as mulheres, escolher a parte de cima da roupa de academia pode ser uma tarefa mais fácil, uma vez que os tops estão na moda e são bastante confortáveis. Contudo, também é possível fazer considerações acerca dessa peça. As mulheres de seios grandes devem se preocupar ainda mais: o privilégio deve ser para as peças mais apertadas, para que o busto fique bem sustentado no momento de execução de um exercício.

  1. Sempre faça o uso de tênis:

Eu sei que parece mentira, mas existem muitas pessoas que vão para a academia de chinelo! Além de não combinar nada com o local, isso pode gerar consequências ruins para esses indivíduos, aumentando consideravelmente a chance de se machucar ao fazer um exercício e escorregar correndo na esteira, por exemplo.

Dessa forma, privilegie sempre o uso de tênis, principalmente aqueles que são voltados para esses fins, como os tênis de corrida.

  1. Como escolher as meias:

A academia é um lugar que demanda o calçamento de um tênis, e, portanto, de uma meia. Como geralmente as atividades físicas que realizamos provoca o suor, devemos privilegiar as meias feitas totalmente de algodão, já que essas absorvem com mais facilidade e eficiência, evitando assim o mau odor.

  1. Escolhendo a parte debaixo:

A parte debaixo também deve ser escolhida com bastante atenção. Para as mulheres, o mais indicado são as calças leggings, pois além de favorecerem os movimentos das pernas, elas dão um toque de praticidade e moda para a pessoa. Para as mais altas, é recomendado que se use as calças mais longas, como aquelas que acabam na altura na panturrilha ou na canela. Já as mais baixas, o mais recomendado é que se use as leggings mais curtas, como aquelas que terminam na altura do joelho.

Para os homens, o mais indicado são as bermudas, principalmente aquelas com maior elasticidade. Os que possuem pernas fina e querem disfarçar podem usar as mais largas e maiores, indo, no máximo, até a altura do joelho, para que não comprometa os movimentos.

  1. Estilo e cor das roupas:

É mais indicado que se escolha um estilo mais sóbrio. Para não errar na cor das peças, privilegie sempre o preto, já que este não suja muito e combina com qualquer coisa! Muitas pessoas simplesmente pegam o último abadá do carnaval e vão para a academia, mas isso pode ser um erro. Além de não absorverem bem o suor e as chances de resultar em mau odor serem grandes, você não causará uma boa impressão nas outras pessoas.

  1. Tecidos que devem ser escolhidos:

Sabemos que hoje em dia, as marcas esportivas produzem diversas pessoas de tecido tecnológico, as quais prometem melhores os resultados que teremos na academia, pois dão boa sustentação, são leves e não atrapalham em nada o movimento. Além disso, esse tipo de tecido é responsável por absorver o suor, evitando aquela sensação de que estamos “encharcados”.

Esses tecidos são chamados de Dri-Fit, são sintéticos e geralmente constituídos de poliéster ou polima. Contudo, estes podem ter um preço superior a outras peças – principalmente os fabricados de polima – e, por isso, você só deve priorizar se estiver tranquilo na parte financeira!

  1. Roupas para musculação:

Falando especificamente da musculação, existem peças que são produzidas por grandes marcas esportivas que possuem tecidos especialmente planejados para esse tipo de prática. Essas são chamadas de roupa de compressão, prometendo comprimir os tecidos musculares, assim facilitando a recuperação das fibras e diminuindo os efeitos causados pela fadiga.

Além disso, essas roupas ainda podem ser ótimas alternativas para dias frias, já que são consideradas térmicas e deixam a temperatura do corpo mais agradável para a realização dos exercícios.

  1. O que nunca usar para ir à academia:

Bom, depois de todas as dicas que já foram dadas nos tópicos acima é possível imaginar quais as peças que nunca devem ser usadas para esses momentos. Evite roupas MUITO apertadas, principalmente aquelas que comprometam os movimentos. Peças pesadas também podem ser uma dor de cabeça, visto que gastamos parte de nossa energia simplesmente por carrega-las. As calças jeans são totalmente proibidas e, no caso de dias com temperaturas mais baixas, privilegie uma blusa e calça térmica ao invés de um moletom que pode pesar bastante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *